top of page

CAD e BIM: quais as diferenças e os benefícios?

Atualizado: 23 de abr.


Brickup-engenheiro analisa planta de uma casa na tela do computador

CAD e BIM são dois sistemas de modelagem difundidos mundialmente e usados no processo de construção civil. Para entender melhor cada ferramenta, a primeira diz respeito ao Computer-Aided Design (Desenho Auxiliado por Computador) e a segunda ao Building Information Modelling (Modelagem com Informação para Construção) e ambos produzem e gerenciam dados para a construção durante todo o seu processo a partir de simulações digitais.


Apesar dos softwares do BIM serem tecnicamente programas CAD, o termo está ligado a uma ferramenta de elaboração chamada AutoCAD, a qual é sinônimo de prancheta digital para criar linhas e formas. Além disso, o BIM funciona com a integração do modelo ao fluxo de trabalho simultâneo, ou seja, várias pessoas podem trabalhar em um único projeto ao mesmo tempo e todas as alterações serão feitas automaticamente. Já com o CAD, seria necessário que um colaborador enviasse o arquivo para que outro pudesse acessar, caracterizando um trabalho independente. Leia mais e entenda outras particularidades de cada sistema e seus benefícios.

POR QUE USAR O CAD?

Fácil aprendizado

Uma vez que as interfaces desse software são mais simples e genéricas e que a produção se assemelha a desenhos feitos no papel, tendo como foco a representação geométrica, o domínio da ferramenta se torna mais fácil.

Ampla mão de obra disponível

Exatamente por essa facilidade no aprendizado, não necessariamente o profissional precisa de uma graduação na área da construção civil para dominar o sistema, o que amplia grandemente a oferta de mão de obra para a execução do serviço.


Tradição

Por ser a ferramenta utilizada a mais tempo, grande parte dos profissionais estão familiarizados ao seu uso, o que justifica a permanência do sistema como uma tradição do ramo.

Custo acessível

Por ser muito difundido no setor da construção civil e por suas limitações no desempenho, o CAD apresenta um custo mais acessível do que o BIM, podendo servir como uma opção inicial a ser melhorada posteriormente.

Hardware de custo acessível

As ferramentas oferecidas pelo CAD podem ser executadas mesmo em notebooks mais simples ou online, o que dispensa o gasto com uma placa de vídeo potente ou um alto processamento, possibilitando um gasto mínimo com hardware.

Facilidade em gerar cópias

Uma vez que os modelos podem ser facilmente replicados em grandes quantidades em um curto período de tempo, o processo se torna muito mais prático e ágil.


Brickup-trabalhador da construção está de frente para o computador com a mão apoiada no queixo enquanto faz anotações na planta da obra

POR QUE USAR O BIM? Rapidez na produção

No sistema BIM, é possível parametrizar folhas, arrastar os desenhos para as pranchas, o carimbo se preenche automaticamente e os textos e símbolos gráficos acompanham a escala correta. Dessa forma, os projetos são produzidos com rapidez e facilidade.

Clash detection

Nesse sistema, qualquer interferência entre os modelos e identificada é até mesmo corrigida automaticamente, dependendo da programação global do template usado no projeto.

Trabalho integrado

Assim como citado anteriormente, o BIM permite que diferentes profissionais possam alterar em tempo real um mesmo projeto, enquanto as atualizações são feitas simultaneamente. É evidente que essa característica promove grande otimização ao processo e aumenta a produtividade da equipe, que consegue trabalhar com mais agilidade.

Acompanhamento dos prazos

O BIM simula, em seu ambiente digital, as ocorrências no canteiro em tempo real, o que permite a percepção de qualquer interferência que possa gerar um atraso e a solução da situação rapidamente, o que facilita o cumprimento dos prazos.

Garantia da qualidade da obra

Com o uso de um sistema que permite a montagem de um modelo detalhado, é possível prever diversos pontos da obra que poderiam só serem contemplados no momento da execução. Dessa maneira, a construção é melhor planejada e, consequentemente, sua execução conta com menos erros e mais qualidade.

Aumento da credibilidade

É inegável que um projeto de construção civil possui um alto custo, e contar com informações pré-definidas em detalhes faz com que o cliente se sinta mais confiante e menos receoso, já que poderá acompanhar.

Redução do retrabalho

Uma vez que o próprio BIM identifica e sinaliza qualquer interferência no projeto, é incomum que o profissional tenha que revisar o projeto várias vezes a fim de corrigir erros. Por isso, o sistema promove praticidade e produtividade aos colaboradores que o utilizam.

Brickup-notebook em cima da mesa com a tela aberta mostra imagens que parecem ser de uma planta de obra


Os sistemas CAD e BIM

Portanto, agora que você sabe como funciona os sistemas CAD e BIM e quais os seus benefícios, já pode determinar qual faz mais sentido para o seu negócio dentro do cenário disponível.

 

QUEM É A BRICKUP?


Somos uma construtech que nasceu no canteiro de obras com soluções digitais para a gestão completa no mercado da construção civil e industrial.


Clique aqui e assine o sistema top pra gestão da sua obra mudar de patamar,
SEM PRECISAR GASTAR NADA.

Banner Brickup com ícones das soluções digitais desenvolvidas para gestão de obras

Acompanhe a gente também nas redes sociais! Estamos no LinkedIn, Instagram e YouTube


תגובות


bottom of page