top of page

RDO: a importância do Relatório Diário de Obras

Atualizado: há 5 dias



Pedro Nery é formado em Engenharia Elétrica e logo após a graduação iniciou sua carreira em obras, como engenheiro trainee na área de planejamento. Atualmente, Nery é CEO da PHD Engenharia e topou bater um papo com a Brickup para falar sobre a importância do RDO - Relatório Diário de Obras. Pedro traçou sua jornada como engenheiro de planejamento, coordenador de obra, engenheiro de campo até a gerência de obras. Durante a trajetória, participou de grandes projetos na área da mineração e siderurgia. Após 11 anos como Gerente de Obras, em 2017, fundou a PHD Engenharia, uma empresa de planejamento e gestão de obras. Sabendo o quanto um bom planejamento é importante para a PHD, conversamos um pouco com o CEO sobre o papel do RDO - Relatório Diário de Obras, para uma gestão eficiente.

BRICKUP: É comum que os responsáveis pelo Relatório Diário de Obras sejam trainees ou técnicos. Quando ocupava esse cargo, você encontrava dificuldades que não encontra hoje em dia, no meio tecnológico?

PEDRO NERY: Na maioria dos projetos, o pessoal coloca uma pessoa que não tem tanta experiência para fazer o Relatório Diário de Obras. O que eu aprendi é que o RDO é importante para a gestão: ele fala o que acontece, qual foi a realidade, quais os impactos, quantas pessoas vieram, qual foi a previsão do tempo no dia, se houve alguma paralisação… Para ter um RDO coerente, a pessoa precisa conhecer a importância da ferramenta.


Quantas vezes não ocorre um atraso ou um aumento de custo, algum problema no projeto, e o RDO era a base para a informação?

Percebo que está mudando, hoje o RDO pode ser pensado como uma ferramenta de proteção contratual, um respaldo para um bom andamento e equilíbrio do projeto.

BRICKUP: Qual era a sua forma de registro na época? Você fazia na prancheta e depois colocava no Excel?

PEDRO NERY: O pessoal que ia pro campo anotava as ocorrências e mandava pro setor de planejamento. Esse pessoal compilava aquilo e tinha um formato no Excel para encaminhar o Relatório Diário de Obras pro cliente.

Ao longo do tempo, foi mudando um pouco. Algumas empresas ainda têm um processo de apropriação online que o encarregado mesmo faz. Para inovar, a solução foi automatizar o processo com um formato que já tem as atividades do cronograma linkadas com a mão de obra e com os tipos de função. Tudo para facilitar, de forma online, o preenchimento. E aí já elimina uma grande quantidade de erros, começa a direcionar melhor a informação, fica mais coerente.

BRICKUP: A gente sabe que a PHD foca na construção industrial. Como um Relatório Diário de Obras eficiente ajuda vocês?

PEDRO NERY: A PHD tem seus clientes e temos que nos comunicar com eles, a melhor forma é através do Relatório Diário de Obras.

O RDO online que vocês promovem pro mercado (DOC) é uma ferramenta que a gente enxergou que pode facilitar esse fluxo, deixar mais fluído. Realmente, auxilia no envio de informações de uma forma mais rápida, objetiva e numa melhor comunicação entre as partes.

BRICKUP: Você acredita que o RDO também destaca a credibilidade da empresa?

PEDRO NERY: Com certeza! Quando você tem uma comunicação aberta, mais transparente, o cliente vai sentir isso e com certeza vai ser bom para ambas as partes.

BRICKUP: Nosso Relatório Diário de Obras (DOC) pode ser usado offline e mobile, dispensando a necessidade de um desktop. Para a PHD, quais funcionalidades facilitam o preenchimento do RDO?

PEDRO NERY: Eu acho que a principal vantagem do RDO (DOC) é exatamente ele poder ser offline em uma obra. Principalmente, nas obras industriais, que são em locais mais remotos. Dentro da cidade é mais fácil que tenha internet e celular, mas uma obra mais remota não tem internet. Então, o fato de ser offline é uma vantagem tremenda.

BRICKUP: Como você enxerga a nossa oferta de um RDO gratuito?

PEDRO NERY: Existe um mercado, principalmente na construção civil, em que o pessoal ainda não utiliza Relatório Diário de Obras, às vezes por uma preocupação com o custo. Oferecer essa ferramenta gratuita, em que as pessoas vão ter fácil acesso, vai conseguir abranger todo o mercado.

Ter uma ferramenta online de fácil utilização com certeza traz resultados que mostram a importância daquilo para a empresa perante o cliente. Eu vejo como muito vantajosa essa comunicação, por exemplo: a pessoa que está no campo e pode preencher e informar para que alguém do planejamento só valide as informações e mande pro cliente ou pra quem contratou. Ter essa fluidez, essa transparência na informação, é muito importante.

BRICKUP: É interessante para a construção industrial a possibilidade de relatar obras que acontecem no período da noite com o nosso Relatório Diário de Obras (DOC)?

PEDRO NERY: Sim, eu acho bem relevante. É importante ter os períodos para registrar o clima, né? Porque ali você consegue vincular uma perda de produtividade, uma paralisação na obra… Então, eu acho interessante ter essa divisão porque às vezes chove de manhã, mas não choveu a noite. Mais uma vez, essa transparência na informação é bem importante.

BRICKUP: É fato que o futuro da construção prevê muitas inovações tecnológicas. Você acredita que as empresas que utilizam nossas soluções estarão mais preparadas para enfrentar esses desafios do futuro?

PEDRO NERY: Eu enxergo que a proposta da Brickup é promover a inovação, dar uma oportunidade pras pessoas nesse ramo da construção, que é com fácil acesso ao RDO, que é de graça. As pessoas vão conseguir ter acesso a uma ferramenta que vai auxiliar e pode realmente promover uma inovação, algo novo dentro do projeto.

O caminho é de inovar, de buscar coisas inusitadas, coisas de fácil acesso.

BRICKUP: Você acredita que quem não usa Relatório Diário de Obras está perdendo em quais aspectos?

PEDRO NERY: O RDO, na área de projetos e obras, é a ferramenta mais importante. Ele dá o raio X, o xerox do dia da obra. Essas informações são a garantia de que daqui um tempo, quando tiver um impacto no cronograma, o cliente estava ciente. Quando você passa a informação de forma coerente, com veracidade e o cliente assinou aquela informação, ele concordou.

Então, a importância é mais para documentar e para uma gestão do contrato. O Relatório Diário de Obras é uma ferramenta para ambos os lados, do contratante e do contratado.

BRICKUP: Gostaria de acrescentar algo?

PEDRO NERY: A Brickup, além do DOC, traz para o mercado várias opções e ferramentas para assessorar e apoiar quem está construindo, seja um consultor, um montador, um engenheiro.

A pessoa que está construindo tem a oportunidade de ter realmente uma facilidade que promove uma gestão melhor do seu projeto. O DOC está aí de forma gratuita para encabeçar esse apoio que a Brickup oferece.

A importância do Relatório Diário de Obras


Gostaríamos de agradecer ao Pedro Nery por essa conversa enriquecedora, que traz fortes argumentos sobre a importância do Relatório Diário de Obras na gestão - palavra de alguém com anos de experiência em campo!

 

QUEM É A BRICKUP?


Somos uma construtech que nasceu no canteiro de obras com soluções digitais para a gestão completa no mercado da construção civil e industrial.


Clique aqui e acesse o nosso DOC, SEM PRECISAR GASTAR NADA.

Acompanhe a gente também nas redes sociais! Estamos no LinkedIn, Instagram e YouTube

Comentarios


bottom of page