top of page

Carreira em construção: como o conceito do mundo BANI impacta sua trajetória profissional

Atualizado: 20 de fev.


Carreira em construção: como o conceito do mundo BANI impacta sua trajetória profissional

Por Cláudia Shimada, desenvolvimento de recursos humanos na Brickup


Não há dúvidas de que o mundo está mudando cada vez mais rápido e que entendê-lo não é uma tarefa fácil, porém, saber o que está acontecendo ao nosso redor pode ser um bom primeiro passo para identificar o que precisamos desenvolver em nós mesmos. Pensando nisso, convidamos a Cláudia Shimada, profissional de desenvolvimento de recursos humanos para mais um artigo da série "Carreira em construção".


De acordo com Shimada, é muito comum que o desejo de se desenvolver e crescer profissionalmente venha acompanhado de uma dúvida de quais habilidades são necessárias para isso ou uma incerteza do que é necessário ser alcançado. O objetivo com as dicas que ela traz nesse artigo é justamente te auxiliar, pontuando o que pode ser interessante que você saiba nesse processo. Vamos lá?


Mundo VUCA x mundo BANI

Durante muito tempo, o conceito do “mundo VUCA” (sigla em inglês, criada pelos autores do livro “Leaders: Strategies for Taking Charge” para descrever o mundo pós Guerra Fria como “Volátil”, “Incerto”, “Complexo” e “Ambíguo”) foi o que guiou organizações e instituições ao redor do mundo durante décadas.


Porém, com os avanços da tecnologia unidos ao cenário de um mundo pós-pandêmico, um novo conceito mais atualizado surgiu: o conceito do “mundo BANI”. Criado pelo antropólogo e futurista americano Jamais Cisco, ele descreve que o mundo passou a ser “Frágil”, “Ansioso”, “Não Linear” e “Incompreensível”.


Mas como lidar com um cenário assim? Não existe apenas uma resposta para essa pergunta e cada pessoa pode descobrir seu próprio modo de lidar com tudo isso. No entanto, hoje vou listar algumas dicas de quais habilidades profissionais atentos ao futuro podem desenvolver e que vão ajudar na sua trajetória.

Frágil (“Britle”)


Um mundo tão conectado, onde a tecnologia evoluiu para os impactos de uma guerra ou desastre natural em outra parte do planeta, serem quase instantâneos, torna todos os sistemas frágeis. De uma hora para outra, o mercado pode se comportar de maneira diferente, uma doença pode rapidamente se alastrar e o que é sucesso hoje pode já não ser amanhã.


Nesse contexto, ser uma pessoa solucionadora e inovadora é motivo de destaque, pois um sólido plano B é uma ótima maneira de lidar em situações em que algo frágil se quebra. 


A dica para o Carreira em construção é sempre ter uma alternativa em mente, mesmo para algo que está funcionando bem, desenvolver pensamento crítico, resiliência e saber lidar com suas próprias vulnerabilidades, e isso não quer dizer escondê-las ou ignorá-las, pelo contrário! Significa aceitá-las e encará-las de frente.


Ansioso (“Anxious”)


Trabalhador da construção civil, tirando capacete da cabeça

O medo de tomar qualquer decisão e ela se mostrar errada depois, ou o estresse e a angústia achar que nada é confiável no mar de incertezas que carregamos do mundo VUCA, são sentimentos que colaboram para a ansiedade ser considerada a doença do século XXI.


No mundo profissional, o que pode diferenciar o sucesso de um fracasso, é muito mais a maneira como lidamos com os erros do que evitarmos errar ao ponto de ficarmos paralisados. Claro que bons profissionais sempre vão prezar pela qualidade de suas entregas, porém, somos humanos e erros acontecem e vão acontecer inevitavelmente. Deixar a ansiedade tomar conta, com certeza não é a melhor maneira.


Para isso, é muito importante o controle emocional estar desenvolvido e isso inclui um olhar atento para o autoconhecimento e autocuidado. Quais são os sentimentos que me veem nesses momentos de incertezas e pressão? Como eu faço para que eles não me deixem perder o controle? Que cuidados eu tenho que ter comigo para que o estresse não impacte minha saúde? 


E lembre-se, no autocuidado, a saúde mental é tão importante quanto a saúde física.


Não-linear (“Nonlinear”)


Vários trabalhadores da construção civil montam uma estrutura metálica em uma obra

O sistema em que vivemos hoje tornou-se tão complexo que não existe mais uma relação de causa e efeito simples, os acontecimentos deixaram de ter apenas um significado e passaram a ter múltiplas consequências.


Pequenas ações, como por exemplo uma cantora famosa decidir tatuar uma parte inusitada do seu corpo pode gerar diversas consequências diferentes, dentre elas, a investigação de casos de corrupção. É difícil entender como uma ação é a causa de outra, e torna-se quase impossível prever o que está por vir. No mundo profissional não é diferente!


Em ambientes tão pouco previsíveis, a característica que mais destaca os profissionais é a capacidade de adaptação e criatividade. Como fica difícil saber hoje o que vai acontecer amanhã, quem consegue se adaptar rapidamente a mudanças e tem um olhar e ideias diferentes do habitual, acaba se destacando.


Incompreensível (“Incomprehensible”)


Hoje em dia é comum nos perguntarmos “como isso aconteceu?”. São tantas as informações, acontecimentos e é tudo tão imediato... As mudanças acontecem muito mais rápido do que a nossa capacidade de entendimento e de processamento dessas informações.


Nas organizações, temos a tendência de aumentar o volume de dados e a complexidade das análises a serem realizadas, mas apenas isso não é o suficiente. Chega um ponto em que isso só aumenta a sensação de sobrecarga e de que é impossível entender tudo.


Nesse caso, o que pode ajudar são dois aspectos: o primeiro é interno, relacionado ao desenvolvimento de uma intuição, da percepção de elementos em que nossa mente não está acostumada a analisar. O segundo é externo, relacionado com a diversificação dos conteúdos e de pessoas que você busca para pedir ajuda. Buscar novas vivências, aprender sobre assuntos diferentes do que é habitual, buscar ambientes com alto volume de diversidade e ampliar sua rede de contatos também pode te ajudar a entender cenários que compreender sozinho parece impossível.


Aqui, o uso de ferramentas que a tecnologia nos proporciona também pode te ajudar! Para âmbitos mais gerais, tecnologias de IA e Big Data podem ser muito úteis. Em âmbitos mais específicos, existem muitas empresas focadas em criar soluções em cada área, nós da Brickup, por exemplo, somos especialistas em soluções digitais para a gestão completa na construção civil e industrial.  


Carreira em construção: para ler, ver ou praticar e desenvolver cada habilidade


  • Para desenvolver pensamento crítico:


  • Para desenvolver resiliência:

Artigo: "O segredo para criar resiliência" - Harvard Business Review


  • Para lidar melhor com suas vulnerabilidades:

Livro: "A coragem de ser imperfeito: Como aceitar a própria vulnerabilidade, vencer a vergonha e ousar ser quem você é" - Brene Brown

Ted Talk: O poder da vulnerabilidade - Brene Brown


  • Para desenvolver o controle emocional:

Livro: "Inteligência emocional" Daniel Goleman


  • Para desenvolver adaptabilidade:


  • Para desenvolver criatividade:


  • Para desenvolver sua intuição:

Plataforma: Headspace

Série: "Headspace - Meditação Guiada" - Netflix


  • Para desenvolver estratégias comunicativas e de ajudas entre pessoas:


  • Saber mais sobre habilidades do futuro:

Curso online: "Habilidades do Futuro" - Descola


Fontes: 



 

Na editoria "Carreira em construção" você conta com artigos, vídeos de especialistas e outros conteúdos para lidar com os desafios e as oportunidades da gestão de obras, além de dicas para construir uma carreira sólida e duradoura na indústria da construção.


Acompanhe a gente também nas redes sociais! Estamos no LinkedIn, Instagram e YouTube

bottom of page